NUTRIENTE VITAL

31/12/2011 e 01/01/2012


Vegetarianos e idosos podem ter carência da vitamina B12.

Vitamina essencial que atua em várias partes do corpo, a B12 é necessária para o desenvolvimento e a manutenção de um sistema nervoso saudável, a produção de DNA e a formação de hemácias. Ao envelhecermos, nossa capacidade de absorver esta vitamina dos alimentos diminui, e geralmente nosso consumo de alimentos ricos nessa vitamina também se reduz. Uma deficiência de B12 pode surgir de repente e causar muitos sintomas confusos, que muitas vezes levam a diagnósticos errados ou são atribuídos simplesmente ao envelhecimento.

Uma deficiência grave de B12 pode resultar em anemia, que pode ser detectada em um exame de sangue normal. Mas os sintomas menos dramáticos de uma deficiência de B12 incluem fraqueza muscular, fadiga, tremores, desequilíbrio, incontinência, pressão baixa, depressão e problemas cognitivos, como memória fraca.

Os laboratórios têm padrões diferentes sobre o que consideram normal, mas a maioria dos especialistas afirma que a deficiência ocorre quando os níveis de B12 em um adulto estão abaixo de 250 picogramas por mililitro de soro. Como todas as vitaminas B, a B12 é solúvel em água, mas o corpo armazena excedentes de B12 no fígado e em outros tecidos. Mas, mesmo que as fontes alimentares sejam inadequadas por um período, a deficiência pode demorar para aparecer.

Se a quantidade de B12 armazenada já é baixa, a deficiência pode se desenvolver em pouco tempo, sobretudo em crianças.


Uma dieta balanceada, com proteína animal, já é suficiente para manter níveis regulares da vitamina no organismo. Em sua forma natural, ela está presente em carnes vermelhas e também em laticínios, ovos e frangos.

Quem corre risco?


Fontes naturais vegetais são pobres em B12, e a vitamina delas não é facilmente absorvida. Por isso, muitos vegetarianos e todos os veganos, além dos bebês amamentados por eles, devem consumir suplementos ou cereais fortificados para obter níveis adequados.

Certos organismos, como a bactéria espirulina e certas algas, contêm uma pseudo-B12 que o corpo não consegue utilizar, mas que pode resultar em leituras falsas de um nível de B12 normal em exames de sangue. Em alimentos de origem animal, a B12 se combina com proteínas e deve ser liberada por ácidos estomacais e uma enzima para que possa ser absorvida. Portanto, usuários crônicos de drogas omo o omeprazol, o lansoprazol e o esomeprazol, além de medicamentos contra úlcera, como a famotidina e a cimetidina, correm risco de desenvolver uma deficiência de B12 e muitas vezes precisam tomar suplementos.

Outros que correm risco de desenvolver deficiências de B12 são pessoas que bebem muito (o álcool reduz a absorção), além de pessoas que passaram por cirurgias estomacais.

 Onde encontrar

Boas fontes alimentares de vitamina B12 são:

> Carnes em geral

> Bife de fígado

> Levedo de cerveja

> Iogurte

> Cereais integrais enriquecidos

> Laticínios

> Vegetais verdes

> Batata

> Peixes (atum, truta, bacalhau e salmão)

> Ovos

> Abacate




3 comentários:

Drika Sanz disse...

Oi André,
Será que se a pessoa retirar somente carnes vermelhas da dieta ela corre o risco de ter deficiência de vitamina B12? Eu sei que TODOS temos esse risco, mas o que vc acha??? Sua alimentação é com todos os tipos de carne??? Talvez nós, pacientes de EM, devemos nos preocupar ainda mais com isso, porque a deficiência de vitamina B12 causa danos ao sist. nervoso, Não é??? O que vc acha?

André Ponce disse...

Oi Drika!!

Como todos os tipos de carne,mas a carne vermelha diminui e muito,2 vzs semanais no máximo. Faço todos os controles mensalmente,por causa do Tysabri,e de carência de vitaminas a cada 90 ou 120 dias,e tem dado como resultado dentro dos padrões,sem problemas. Devemos sim,procurar uma alimentação mais saudável,eu com isso,durmo melhor,acordo mais disposto,qualidade de vida né?

Drika Sanz disse...

Ok André. Gostei da resposta e seu blog está cada dia melhor...
Bjs