HNSG GANHA AMBULATÓRIO DE ESCLEROSE MÚLTIPLA.

[18-07-2011] 

A partir do dia 19 de julho, começa a funcionar no Hospital Nossa Senhora das Graças, o ambulatório especializado no atendimento a pessoas com Esclerose Múltipla. A equipe médica atenderá, gratuitamente, pacientes com baixa renda, convênios e particulares, sempre com hora marcada.

Para serem atendidos, os pacientes passarão por uma triagem, na qual responderão a um questionário para definir se há a possibilidade de ter a doença. Em seguida, será agendada consulta, que ocorrerá as segundas e terças-feiras, à tarde. Mais informações pelo (41) 9232-8989, com Solange.
A Esclerose Múltipla é caracterizada por ser auto-imune, ou seja, o sistema imunológico entra em colapso e acaba atacando o próprio organismo. Atinge, especialmente, mulheres jovens, entre os 20 e 40 anos. “O sexo feminino é mais afetado, em uma proporção de duas mulheres para cada homem. A doença também é mais comum entre pessoas de pele clara e olhos claros”, explica o chefe do Serviço, o neurologista do HNSG, Cleverson de Macedo Gracia.

Segundo a Organização Mundial da Saúde, a doença é um dos distúrbios neurológicos mais comuns entre os adultos e só no Brasil estima-se que existam cerca de 40 mil portadores da doença. “As causas ainda são desconhecidas, mas acredita-se que exista uma predisposição genética somada a fatores ambientais que ajudam a desencadear a alteração imunológica”, explica.

Embora não tenha cura, a doença pode ser tratada com remédios. “A medicação auxilia no alivio dos sintomas e melhora a qualidade de vida do paciente. No caso das mulheres, elas podem até engravidar”, ressalta.

Diagnóstico precoce

Para evitar complicações, é importante que a esclerose múltipla seja diagnostica precocemente e já imediatamente comece o atendimento. “Se identificada na fase inicial, pode-se evitar graves sequelas. Por isso, a experiência da equipe é essencial para um diagnóstico correto da doença”, enfatiza o neurologista.

A doença, normalmente, é diagnosticada pelo médico com base nas queixas do paciente e, sempre confirmada com o exame de ressonância magnética. Os sintomas são variados: cegueira, perda de força em alguma região do corpo, perda de sensibilidade, tontura, dificuldade para falar, dificuldade para engolir, dificuldade para urinar, dores nevrálgicas e tremores.

Serviço: O atendimento aos pacientes com Esclerose Múltipla acontece todas as segundas e terças-feiras, no período da tarde, no Ambulatório do Hospital Nossa Senhora das Graças. Mais informações pelo (41) 9232-8989, falar com Solange. O Centro Médico do HNSG fica localizado na Rua Rosa Saporski 229, nas Mercês.

2 comentários:

Alásia disse...

Que boa notícia, André. A paraíba está precisando disso!
Beijos e ótimo dia

André Ponce disse...

Com certeza Alasia. Os portadores da Paraiba poderiam falar com seus neuros para criarem um centro de referência de ESCLEROSE MÚLTIPLA em um dos hospitais publicos na Capital,que atenderia a todo o estado com consultas agendadas,o que facilitaria e muito,é só copiar o modelo de outros centros,como São Paulo,Porto Alegre,Minas Gerais,Paraná e outros tantos estados.

BJÃO e um FELIZ DIA DO AMIGO.